• [email protected]

    Member
    08/05/2024 a 10:39

    Com base no texto de Brueggemann (p. 668-670) , a vocação de Israel , de acordo com Ex 19:5-6, em relação ao bem estar e cura dos povos, explico o seguinte:

    No sumário do encontro do Sinai, Javé assegura a Israel
    por meio de Moisés: “porque toda a terra é minha; vós me sereis reino
    de sacerdotes e nação santa” (Ex 19,5-6). Porém, se Israel deve ser um reino de sacerdotes
    (ou um reino sacerdotal), podemos questionar: de quem e para quem serão
    sacerdotes? Por um lado, a resposta é de Javé, oferecendo sacrifícios a ele.

    Por outro lado, talvez a nação de Israe se ofereça como sacerdote
    para outras nações, como mediadora e intercessora pelo bem-estar das demais nações do mundo, visto que a função
    sacerdotal consiste em possibilitar o bem-estar e a cura no mundo. E, no
    final das contas, consiste em possibilitar a comunhão entre Javé e o mundo. Uma razão para a existência de Israel é que a criação está sob
    maldição pela desobediência, e Javé deseja insistentemente que o mundo
    seja trazido à bênção. Para isso, Deus Criou Israel para essa tarefa.